Travessia da Joatinga: Laranjeiras a Ponta Negra – Paraty, Brasil

01 de março de 2014

Saindo de Paraty

Depois do café da manhã no Hostel Che Lagarto, o guia contratado pela Maitaca Ecoturismo Edmar (morador da Ponta Negra), veio nos buscar e seguimos até rodoviária de Paraty, onde pegamos o ônibus para Laranjeiras (R$ 3,20 por pessoa) e depois de quase 1 hora chegamos a Vila Oratória para iniciar a Travessia da Joatinga (para alguns ‘Juatinga’). A praça central estava cheia de pessoas esperando as lanchas para chegar a Praia do Sono. Muita gente mesmo!

Mico no Hostel Che Lagarto em Paraty
Mico no Hostel Che Lagarto em Paraty

Início da Travessia da Joatinga

Estávamos em 7 clientes e 3 guias. A caminhada até a praia do Sono com todas as mochilas nas costas, foi de cerca de 2 horas. A subida inicial da trilha nos desgastou um pouco, mas foi um aquecimento para os próximos dias.

O grupo de 10 pessoas da Maitaca Ecoturismo, Travessia da Joatinga
O grupo completo
Chegando na Praia do Sono, Travessia da Joatinga
Chegando na Praia do Sono

Praia do Sono

Chegamos na Praia do Sono ao meio dia e almoçamos no Restaurante da família do guia, uma divina comida por quilo. Descansamos um pouco e lá pelas 14 h seguimos para Antigos e Antiguinhos. A subida para Antigos também foi difícil de fazer com as mochilas cargueiras, pois a trilha é um barranco com erosão. Mas ainda bem que o tempo estava seco e não escorregamos muito. Na metade da subida lembrei porque da última vez que estivemos aqui eu falei que nunca mais iria subir esse morro, lembra?
Final da Praia do Sono, Travessia da Joatinga
Final da Praia do Sono

 

Subida para Antigos, travessia da Joatinga
Subida para Antigos

 

Antigos, Travessia da Joatinga
Antigos
 Antigos, Travessia da Joatinga

 

Antigos, Travessia da Joatinga

 

Antigos

Chegando em Antigos, uma das integrantes do nosso grupo torceu o pé e o guia foi correndo até a Ponta Negra buscar um barco para ela seguir pelo mar. Isso demorou cerca de 1h. Assim que o barco chegou, ela e o namorado seguiram de barco e nós a pé. Andamos mais 1 hora até chegar na Praia de Ponta Negra.

Atravessando um rio para chegar em Ponta Negra
Atravessando um rio para chegar em Ponta Negra

 

Antes da última subida para Ponta Negra
Antes da última subida para Ponta Negra

 

Praia de Ponta Negra, travessia da Joatinga
Praia de Ponta Negra

Ponta Negra

Ponta Negra é linda e fechamos com chave de ouro o primeiro dia da Travessia da Joatinga! Chegamos as 17h na praia e a guia da Maitaca Ecoturismo conseguiu um upgrade para nossa pernoite nesses dois dias: uma casa, ao invés de camping. A casa era muito boa (3 quartos, banheiro, sala e cozinha, com camas para 6 pessoas), tomamos banho e fomos jantar no restaurante da família do guia, um peixada divina!

Final de tarde em Ponta Negra, travessia da Joatinga
Final de tarde em Ponta Negra
Pôr do sol em Ponta Negra
Pôr do sol

 Voltamos para a casa para dormir e me deparei com muitos insetos (aranhas, baratas e um opilião). Sou muito medrosa e tenho horror a esses bichinhos (lembra como sofri na Chapada Diamantina) e por isso armamos a barraca dentro do quarto. Eu e o Elio dormimos na barraca e meu pai na cama. De madrugada começou a chover um temporal e nosso quarto alagou (apenas nosso quarto). Colocamos a capa na barraca e meu pai foi dormir na cozinha que estava seca. Tirando a chuva, dormimos bem…

Mapa desde Laranjeiras a Ponta Negra, Travessia da Joatinga
Mapa da caminhada de hoje Travessia da Joatinga

4 comentários sobre “Travessia da Joatinga: Laranjeiras a Ponta Negra – Paraty, Brasil

    1. Admin Autor da Postagem

      Sim Daltro.
      A travessia inteira, que fizemos em 4 dias, saindo de Laranjeiras até o Pouso da Cajaíba, está relatado nos demais posts do blog.
      Esse dia é apenas o relato do primeiro dia da travessia.
      Volte aqui no blog e venha ver as lindas fotos de umas da praias mais lindas de toda travessia: Cairuçu das Pedras e uma das cachoeira mais incríveis que já visitamos: Cachoeira do Saco Bravo.
      Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *